Reajuste do plano de saúde: Negociação com a Unimed Rio Preto ainda não está encerrada

postado em: NOTÍCIAS | 3

A negociação entre o Sindiquinze e a Unimed São José do Rio Preto referente ao reajuste dos valores do convênio médico oferecido para as associadas e associados ainda não está finalizada.

As tratativas foram iniciadas em 11 de janeiro, quando a Unimed requereu um reajuste de 49,67% baseado na sinistralidade do convênio com o sindicato que atingiu a marca dos 102,06% com uma aplicação de mais de R$ 800 mil por parte da operadora.

Neste primeiro contato, o Sindiquinze ofereceu um aumento de 18,9% para os planos, o que gerou uma contraproposta no índice de 28,5% pela Unimed Rio Preto.

A majoração foi pauta da reunião da diretoria do sindicato ocorrida em 3 de fevereiro, quando os diretores entenderam a necessidade de se manter a saúde do convênio médico, deliberando por um aceite de 19,9% para o reajuste.

A partir daí, a operadora baixou o índice para 22,5% e, posteriormente, para 21%, tornando a negociação inconclusiva até o momento.

Diante a situação, o Departamento Quinzemed repassou o reajuste de 19,9% lançado nos holerites deste mês de fevereiro, sendo o valor máximo aceito pelo Sindiquinze para a negociação.

Vale ressaltar que o repasse do custeio da saúde pelo TRT ocorre de acordo com o mês anterior, o que fez com que o desconto deste mês fosse maior do que o valor recebido. No entanto, em março, o valor aplicado já irá corresponder ao reajuste implementado em folha.

Segundo o presidente Zé Aristéia, “como em todos os anos, as negociações com a Unimed sempre são duríssimas. Nesse ano, em especial, um represamento de consultas e exames ainda pós-pandemia acabou por acentuar a realização de procedimentos mais graves, impactando em nosso plano”.

Ainda de acordo com ele, a situação se refletiu nas negociações que ainda não foram finalizadas entre as partes. “Além da negociação com a Unimed Rio Preto nós já estamos em tratativas com a Unimed Campinas para viabilizar um novo produto regional às nossas filiadas e filiados, e também em tratativas com a Vectorial do Rio de Janeiro para uma alternativa da Amil”, explica.

Novas informações sobre as negociações serão publicadas assim que houver a finalização das tratativas.

Por Caroline P. Colombo

Baixe agora o aplicativo SINDIQUINZE para celulares Android e IOS!
Veja como é simples e rápido ter todas as notícias, serviços prestados e benefícios oferecidos pelo sindicato, em um só lugar!
Aproveite e também atualize seu cadastro pelo APP!

1511total visits,1visits today

3 Responses

  1. Thaís Lara

    Por que vcs não tentam negociação com a Sul América e Bradesco Seguros? Eles são planos nacionais, com excelente aceitação na nossa região, e oferecem mais opções do que a UNIMED, que restringe os usuários aos hospitais da rede própria. E sendo rede própria, existe sempre uma contenção de gastos, nem sempre favorável para o cliente que precisa usar o hospital. Já com planos de empresas sem rede própria de hospitais, não existe esse problema. Acho que os servidores merecem planos de saúde de melhor qualidade. Precisamos disso! Obrigada pela atenção!

  2. Geremias Oliveira

    Estamos dispostos a pagar mais caro ? A questão é o valor a ser pago, e os aumentos significativos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − 16 =