GT para retorno às atividades presenciais: TRT-15 indefere pedido para Sindiquinze participar

postado em: NOTÍCIAS, ÚLTIMAS NOTÍCIAS | 0

O SINDIQUINZE lamenta a atitude antidemocrática da Administração do TRT-15, que indeferiu o pedido de participação do Sindicato no grupo de trabalho para retorno às atividades presenciais. Como já fundamentado no pedido, estamos convictos de que nossa participação é medida indispensável para garantia de que o processo de retomada se conduzirá de forma transparente, democrática e, principalmente, segura.

Temos recebido questionamentos e demandas por parte dos servidores, as quais deveriam, evidentemente, ser direcionadas à administração pela via representativa, uma vez que os funcionários de carreira nomeados não estão imbuídos do mister de representar a categoria e são muito mais suscetíveis a pressões de superiores hierárquicos. É constrangedor ter que explicar isso no ramo da Justiça que está encarregado de zelar pelos direitos dos empregados da iniciativa privada, mas, com relação aos seus próprios funcionários, age de forma autocrática e prejudicial ao cumprimento da garantia constitucional ao meio ambiente do trabalho sadio.

Num momento que deveria ser de união de forças para combate à pandemia, somos obrigados a combater a direção, apesar de sabermos que a solução pacífica seria muito mais benéfica, dadas as circunstâncias. Reafirmamos nosso compromisso com a defesa da saúde dos servidores do TRT-15. Neste meio tempo, estaremos intensificando as comunicações com a base sindical para estabelecer uma pauta mínima de reivindicações para o período do retorno, que será perseguida pelos meios cabíveis.

30 1visualizações hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 1 =